↑ Retornar para Pastorais

Comunicação (PASCOM)

O SURGIMENTO DA PASCOM EM RERIUTABA

No ano de 2014, por volta do mês de Outubro, o jovem Rafael Marques viu a necessidade de implantar em nossa Paróquia uma Pastoral que levasse informações da igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro a todos os paroquianos e neste pensamento foi iluminado pelo Espírito Santo ao criar a PASCOM (Pastoral da Comunicação). Ele, Rafael Marques, foi quem tomou a iniciativa de comunicar ao Pe. Marcos Ribeiro sobre a brilhante ideia de criar uma Pastoral que levasse as notícias a toda a Comunidade Católica reriutabense e sem titubear o Pároco aceitou a proposta. Ainda no mesmo ano, Rafael Marques, começou a lançar os convites aos futuros membros daquele grupo.

Ao passar dos meses a Pastoral ganhava força, em meio a tanta empolgação os Sonhos da PASCOM de comunicar através dos meios de comunicação pareciam ser bem ousados e os seus planos empolgavam os atuais membros. Mas com o baixo número de missionários e com o tempo de cada um parecendo se esgotar a cada dia, estes planos pareciam se distanciar da realidade que cada um queria abraçar. Somando-se a isso, as condições da Paróquia eram limitadas e não podia se fazer muita coisa para ajudar a tornar realidade os sonhos e alavancar os planos do grupo.

Limitados, apenas, por uma página na rede social FACEBOOK, a qual postavam-se fotos dos eventos, a PASCOM se viu por longos meses estática, e paralisou seus serviços em meados de Janeiro de 2015.

Por volta do mês de Outubro de 2015, ou seja, um ano após a sua criação, alguns dos antigos membros se motivaram novamente e decidiram reativar os serviços missionários da Pastoral da Comunicação. Aos poucos a PASCOM vai ganhando espaço junto a todas as Comunidades e Pastorais da Paróquia de Reriutaba.

1ª reuniao PASCOMHoje, a PASCOM, aos poucos, está tentando alcançar seus objetivos, está almejando realizar os antigos planos e tornar realidade os mais ousados sonhos, isso tudo contando com a ajuda de todos os paroquianos. Já conseguiu seu primeiro contato mais direto com a Comunidade reriutabense ao lançar e entregar no dia 08 de Novembro deste ano o primeiro BOLETIM INFORMATIVO impresso. E, a partir deste 25 de Novembro de 2015 estará alimentando com muita informação, prestação de serviço, notícias, artigos Católicos e muito material informativo e evangelizador no SITE OFICIAL da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Além de incluir como mais uma ferramenta de comunicação a WEB RÁDIO OFICIAL da Paróquia de Reriutaba a qual poderá futuramente transmitir AO VIVO todos os eventos da Nossa Paróquia.

Formação da PASCOM Reriutaba em Varjota - 17/10/2015

Formação da PASCOM Reriutaba em Varjota – 17/10/2015

BREVE DEFINIÇÃO DA ÁREA PASCOM

A Pastoral da Comunicação (Pascom) tem a missão de fazer fluir a comunicação entre pessoas da Paróquia, Pastorais, Comunidades e Capelas como um todo. E a Comunicação se dá através da produção, emissão, recepção e circulação de mensagens.

A Pastoral de Comunicação desenvolve ações que colocam a Paróquia em comunicação, entre suas Comunidades, Grupos, Pastorais, organismos e agentes nos múltiplos processos comunicacionais, como catequese, visitas, homilias, reuniões, festas, liturgias, ações conjuntas, assembléias, pastorais.

“NÃO É UMA PASTORAL A MAIS, MAS AQUELA QUE INTEGRA TODAS AS DEMAIS PASTORAIS”

PROJETOS – FORMAS DE AÇÃO

1 – Elaborar um cadastramento (banco de dados) de todas as pessoas: dizimistas, agentes de pastoral, membros da comunidade, pais de catequizandos, grupos de oração, participantes de retiros e outras atividades, de forma a poder enviar notícias pelo Boletim Informativo, Site Paroquial e Web Rádio e possibilitar integração.

2 – Crescer com a relação entre Comunicação e Educação.
3 – O contato e a articulação com Comunidades, Pastorais, Coordenação geral da Paróquia e Pároco é fundamental para a Pastoral da Comunicação encontrar seu sentido.
4 – Buscar formas de ajudar a melhorar a comunicação na catequese, nas celebrações e nos diversos processos comunicacionais da Igreja é desafio da equipe paroquial de Pastoral de Comunicação.
5 – Conversar com as Pastorais, grupos e organismos da paróquia para saber suas expectativas e necessidades quanto à comunicação e ver como encaminhá-las.
6 – Preparar equipe de visita às casas, não só para visitar doentes, mas para informar, motivar e convidar as pessoas para eventos e iniciativas da Paróquia ou comunidade e manter relação permanente com elas.
7 – Estudar possibilidade de ter vídeos, fitas, revistas, livros para exposição, empréstimo ou venda na paróquia.
8 – Formar uma equipe de comunicação com membros das comunidades interessadas.
9 – Adquirir multimeios, como vídeo, telão, projetores de slide e transparência, etc que venham ajudar na divulgação, bem como na prestação de serviços e cursos.
10 – Dar especial atenção à cultura brasileira e seus agentes de criação, veiculação e consumo de bens simbólicos para detectar a melhor maneira de promover a evangelização inculturada;
11 – Cinema/Vídeo: buscar a conjunção de forças e esforços entre as produtoras de vídeo, visando melhor qualidade, promover o lançamento de vídeos como subsídios para as homilias e a catequese e organizar cursos para leitura crítica de vídeos e filmes.